Senador Pompeu: Fuga de presos provoca pedido de interdição de cadeia pública

Cadeia de Senador Pompeu. A decisão caberá ao juiz de direito Mikhail Torres.

A fuga de 10 presos da cadeia pública de Senador Pompeu de ontem, 28, para hoje, 29 de janeiro só reforçou a necessidade de termos mais investimentos para geração de vagas de trabalho, incentivos no esporte, cultura e educação de qualidade nos municípios.  Não há necessidade de construirmos presídios, sem antes pensarmos nos investimentos necessários para uma vida digna.

No início da tarde desta segunda-feira (29), o Ministério Público do Ceará (MPCE) ajuizou ação pedindo a proibição da entrada de novos presos na Cadeia Pública de Senador Pompeu, bem como reformas emergenciais para resguardar a segurança e a salubridade do local.

No pedido, o MPCE aponta a ocorrência de fugas constantes (a última inclusive na presente data), a entrada recorrente de material vedado (como celulares), a deficiência arquitetônica do local, superlotação, quantidade insuficiente de agentes por plantão, entre outras irregularidades que não estariam a contar com a devida atenção da Secretaria de Justiça.

A decisão caberá ao juiz de direito Mikhail Torres.

senador pompeu- news, notícias

Em outras matérias publicadas neste Blog e em outros meios de imprensa foi exposto em fotos a situação do ambiente. É uma condição sub-humana. Que Deus dê discernimento a qualquer gestor que prefere construir presídios, que buscar investimentos para melhorar os serviços básicos a fim de melhorias para uma convivência e digna. Há necessidades de se pensar nas penalidades. Mas devemos tratar os demais seres humanos como trataríamos um familiar nosso, que precisa cumprir suas penas.

MEU CANAL→ https://goo.gl/fRXDrt 😂

MEU INSTAGRAM: @walterlimaYoutuber

MEU TWITTER: @walterlimaradio

MINHA PÁGINA: https://goo.gl/vLgzMw

Comentários no Facebook

Site last updated 16/02/2018 @ 22:34; This content last updated 30/01/2018 @ 20:12


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/corre075/public_html/wp-content/plugins/push-response/pushresponse.php on line 82